Currículo Genérico - Objetivo profissional sem foco - Mirojobs: Vagas de Emprego Curitiba; Ponta Grossa e Paranaguá. Currículo Genérico - Objetivo profissional sem foco Mirojobs: Vagas de Emprego Curitiba; Ponta Grossa e Paranaguá.

PESQUISAR NO SITE:

  - Digite um cargo ou palavra-chave
Publicidade:

abril 12, 2016

Currículo Genérico - Objetivo profissional sem foco

.

De cada 5 currículos 4 são currículos genéricos. Apesar do alerta muitos continuam errando. Veja como escapar desta armadilha.


Diariamente milhares de currículos com objetivos profissionais são enviados por pessoas que procuram uma recolocação ou até trocar de emprego. Após um tempo desempregado surge aquela aflição de não ser chamado nem ao menos para uma conversa. As únicas empresas que ligam são de cobrança e nada de emprego. Chegou a hora de arregaçar as mangas e inverter a situação.
Currículo com objetivo profissional claro
Que tal começar a focar nos seus objetivos no currículo?
Você sabia que a maioria dos candidatos não sabe fazer um bom currículo? Isso não significa que ficarão desempregados eternamente mas o seu processo de ser admitido em uma empresa vai demorar mais. E muito.

As principais causas do seu currículo demonstrar pouco interesse são muitas mas hoje iremos falar especificamente de uma: o currículo genérico. Sem objetivo profissional claro.

O que é currículo genérico?

É o tipo de currículo que serve para qualquer situação. Tanto para você "arrumar" um emprego de gerente como de balconista. Ele é bom? Não, é péssimo!  De cada cinco currículos que visualizo três ou quatro trazem este problema. Não tem objetivo profissional definido.
É comum encontrar ainda nos objetivos frases como estas:

"Disponível para qualquer área"

"Aceito outras áreas"

As funções almejadas se misturam e geram uma confusão. Colocar que sua pretensão é um cargo de Auxiliar de Produção e Recepcionista destoa do seu objetivo - que é arrumar um emprego logo - são duas áreas diferentes, exigem conhecimentos diferentes e é impossível um bom currículo trazer as informações necessárias para as duas ocupações.


Como corrigir este problema.

O primeiro passo é querer. Se revoltar com a sua situação e estar decidido a virar a mesa. Não espere que alguém faça algo por você, que batam na sua porta com uma vaga de emprego por caridade. Seja dono da sua carreira. Tenha em mente que não é proibido procurar emprego em várias áreas mas tenha um currículo para cada objetivo profissional.

Você tem experiência com vendas e produção. Faça um currículo para vendas e outro para produção. E não é só colocar essa informação nos objetivos. Todo  currículo tem de ser adaptado para aquela função, parte por parte. Nesta parte exclua cursos irrelevantes, coloque bem claras as informações para aquela posição que almeja. 

Vejamos alguns exemplos tirados de currículos reais:
Currículo sem um único objetivo, sem foco pode prejudicar o candidato

No primeiro exemplo uma confusão clássica: confundir vagas administrativas como sendo uma coisa só. A pessoa procura estágio ou emprego fixo? O recrutador fica na dúvida e nestes casos a pessoa não é selecionada. Se identificou com o primeiro caso? Faça um currículo somente para procurar estágio, outro somente para auxiliar administrativo e outro somente para a área de Recursos Humanos. Dá trabalho, eu sei. Mas quanto mais se esforçar mais rápido estará empregado. Seja preciso no seu objetivo profissional.


No segundo caso é algo bem "clichê" de vários currículos pegar frases prontas, ou tentar impressionar e acabar escrevendo coisas sem pé ou cabeça. Falou, falou  e não respondeu a grande pergunta: Qual área ou função você está enviando seu currículo? Não espere que o recrutador terá tempo e ânimo para ler seu currículo e decifrar seu objetivo profissional.

Encerrando: seja objetivo no seu currículo, tenha foco. Se procura emprego em três funções diferente tenha no mínimo 3 currículos diferentes. Na próxima postagem minha irei ensinar como adaptar os seus currículos com seu objetivo profissional

Luciane Gasparin