Desempregado e agora? - Mirojobs: Empregos Curitiba ,Ponta Grossa, Paranaguá e Cascavel

Mirojobs: Empregos Curitiba ,Ponta Grossa, Paranaguá e Cascavel

Vagas de emprego na região de Curitiba , Ponta Grossa, Paranaguá, Cascavel - PR. Site Gratuito.

.

15 de set de 2018

Desempregado e agora?

www.mirojobs.com.br

Estar desempregado não é fácil. Saiba como agir no desemprego e aprenda a  se prevenir no futuro.

Estar desempregado é uma situação que a maioria dos profissionais um dia passará. Não tem como fugir. A sensação de impotência perante uma demissão, o stress, o sentimento de inutilidade... são vários os pensamentos e sensações que um profissional desempregado passa.

Porém, com um pouco de planejamento é possível amenizar estas sensações.

Publicidade:

Estar preparado para ficar desempregado.

Parece um pensamento irreal quando se está empregado, pensar em um momento de desligamento. Imprevistos fazem parte da vida e também das organizações. Em um dia, o seu departamento está bombando , no outro pode ser um empecilho para o desenvolvimento da empresa. Evitar ser pego de surpresa com uma demissão é a estratégias dos bons profissionais.


Imagem de um desempregado
Previna-se contra o desemprego. Crie uma reserva de emergência para evitar ficar sem dinheiro enquanto estiver desempregado.

Tenha uma reserva financeira para seis meses

No Brasil não temos o hábito de poupar. Com certeza, isto é uma grande falha. Crie uma reserva financeira equivalente aos seus gastos atuais em seis meses. Não precisa ser exatamente o valor do seu salário mensal, embora seja o recomendável.

Funciona da seguinte maneira:
  • Exemplo: Recebo mensalmente o equivalente a mil e duzentos reais(R$ 1.200,00);
  • Tenho um gasto mensal e essencial de aproximadamente oitocentos reais(R$ 800,00);
  • Seis meses vezes oitocentos reais dá o equivalente à quatro mil e oitocentos reais (R$4.800,00)
  • Logo, quando eu ficar desempregado terei uma reserva para me manter "tranquilo" por seis meses;
A vantagem de ter um fundo de reserva, é  de poder procurar um novo emprego com calma, sem a pressão de contas atrasadas ou mudança de hábitos.

Mesmo empregado mantenha seu currículo atualizado

Um outro erro comum, é após arrumar emprego, esquecer completamente do seu currículo. Mesmo trabalhando, mantenha seu currículo em sites de emprego atualizado. Isto vale para redes sociais como o Linkedin e até no  Facebook.

Mantenha sua rede de contatos atualizada e procure aumentar seus círculos.

Publicidade:

E se ficar desempregado....

O desemprego não é uma situação incomum. Todos passamos por isto várias vezes da vida. Porém, se você não possui os dois planejamentos anteriormente citados, terá que tomar outras atitudes mais drásticas. 

No geral, as regras a seguir são universais e servem para todo desempregado.

Desemprego não é doença

Isto significa que, mesmo estando desempregado, você não deve ficar até mais tarde na cama. Ocupe uma grande parte do seu tempo para evitar ficar depressivo.
Estabeleça uma rotina saudável, com horários para o seu dia. Aproveite logo cedo para enviar currículos.

Leia também: Qual a melhor hora para enviar currículo para as empresas?


O seu trabalho como desempregado é procurar emprego

Invista todo o seu tempo livre em procurar um novo emprego. Evite fazer o que todos fazem , que é enviar um monte de currículos e ficar esperando. Isto não funciona! Utilize dos nossos artigos para pegar novas estratégias, faça planejamentos, revise seu currículo a cada semana, etc.

Aproveite o momento para fazer cursos e se atualizar. É possível encontrar bons cursos e gratuitos. Isto também compreende, aprender algo por conta própria (Inglês, digitação e informática, por exemplo). Existem vários vídeos ensinando no Youtube.

Reflita o seguinte: Se todas as lojas fossem iguais não existiria concorrência. Da mesma forma, se todos os desempregados fossem iguais não existia concorrência e todos arrumariam emprego facilmente. 

Publicidade:

Analise o mercado e sua concorrência

Essa é uma técnica que poucos usam. Corresponde a você definir uma área como alvo para trabalhar. Em seguida, fazer um levantamento de empresas desta área e da concorrência. Essa técnica é chamada de mirar no alvo, ou seja, mirar no emprego. É tão completa que faremos um artigo ensinando passo a passo.

De qualquer maneira, o princípio básico está aí. Nada impede que você desenvolva sua própria técnica para sair do desemprego.


Imagem de Otimismo
Mesmo em meio as tragédias da vida é possível encontrar coisas boas. Seja otimista, acredite no seu potencial e fuja de pessoas que só enxergam o lado ruim das coisas. 


Evite comentários negativos. Fuja dos Urubus

Com certeza, você já viu comentários nas redes sociais como estes:
"Está difícil emprego!"
"Como vou conseguir experiência?"
"Estão exigindo demais!"
"Na minha época..."
"Não querem pessoas velhas!"
"Não querem pessoas novas!"
"É a crise!"
"Só quero trabalhar!"

Já diz o ditado: "Urubu voa baixo procurando carniça". As maiorias das pessoas pessimistas, procuram em fatores externos, as desculpas para seus fracassos. São verdadeiros Urubus. Não agregam nada de bom na sua vida a não ser lhe empurrar mais para baixo ainda.

Fuja! Não comente, não leia postagens deste tipo. A menos que queira ser do clube dos fracassados. Existe uma diferença em ser desempregado, mas com otimismo e, ser um desempregado pessimista, que reclama da vida e fica procurando em outras pessoas o motivo do seu fracasso.

Entenda que o trabalho é uma venda não uma imposição

Já pensou entrar em uma loja "dar uma olhadinha" e o vendedor começar a lhe criticar e ofender até você comprar algo?  Agora imagine, um desempregado que critica abertamente as empresas por não lhe darem oportunidade. A relação é a mesma.

Emprego é uma venda. Ninguém é obrigado a comprar só por entrar em uma loja, assim como, ninguém é obrigado a contratar o primeiro currículo que receber.

Quando agimos com essa mentalidade, os resultados são mais satisfatórios. 

Busque apoio na família e em pessoas otimistas

Por fim, busque apoio da família e amigos para superar o desemprego. Muitos podem lhe ajudar indicando alguma oportunidade . Procure estar próximo de pessoas otimistas, fazer cursos (existem gratuitos), frequentar eventos de negócios e outros. 

Quem não é visto não é lembrado, ou melhor, quem não é visto continua desempregado! 

Suas chances aumentam quando você procura se cercar de pessoas otimistas. Pessoas que sabem que as tempestades fazem parte da vida e é necessário aprender a como navegar neste mar para não afundar. 

Força, Foco e fé. Até o próximo artigo.

Colaboração:
Equipe Mirojobs - Antena Piraquara
Marcela Silva Cardoso - Mirojobs
Acrécimos: Rafaela Schimidt
Direitos cedidos a Mirojobs




.

Post Top Ad